Primeiros passos na jornada

estrada do caminho de São Tiago de Compostela,com os devidos créditos de nossorumo.com

Uma jornada é bem dizer um caminho.Um caminho que se percorre para se chegar a um fim.Pronto,essa é a definição clássica.Mas vai muito além disso.

Eu bem me lembro de quando tinha 13 anos na sétima série do colegial e juntava o dinheiro da merenda para comprar livros de rpg ou livros de ocultismo barato em bancas,atravessava boa parte da cidade a pé para comprar numa antiga loja de esotéricos alguns livros toscos sobre o assunto.

Isso é uma jornada.Uma jornada menor dentro de uma maior que se perpetua a um fim,aparentemente,que não existe.De fato esse é o momento de indecisão de todo iniciante na senda justamente por não saber por onde começar ou como começar.

Observe bem,se você está lendo isso não é por acaso do destino.Não seja burro,você está lendo isso porque você quer respostas e está buscando chegar a elas.Você sabe melhor do que eu que poderia muito bem estar satisfeito com sua vidinha piegas de ficar em casa e assistir o Faustão voltando duma missa tristonha de gente carola e muitas vezes falseta que  simplesmente aceita a a miserabilidade sagrada de cada dia.

Não me leve a mal,a religião tem as respostas para as grandes questões levantadas pelo homem e deve ter esse ponto positivo ressaltado,porque traz segurança e conforto aos corações que sofrem crises existênciais variadas.A busca de eliminar o sofrimento e trazer o indivíduo a uma luz maior,o conectando ao Todo(daí a origem do termo “religare”,religar) maior que você é algo comum a todas elas.

Mas você não está satisfeito e provavelmente está cansado desse conforto que te anestesia e te deixa lesado para a vida diária.Você se rebelou de grilhões culturais e atavicamente sociais que de alguma maneira não exercem mais poder sobre você.Você desobedeceu os ditames e dogmas e passou a questionar e ver que a verdade não se encontrava mais ali e,de alguma forma,sua vida nunca mais foi a mesma.

Essa é a essência da jornada do herói.Você comeu da árvore do bem e do mal e agora está querendo sair da carverna desse mundo de “ilusões”.

“Mas…para onde eu devo ir?”

O caminho é cheio de trilhas e bifurcações,sendo muitas as vertentes.Dentro de magia temos:magia tradicional salomônica,rosacrucianismo,alquimia,thelema,gnosticismo,hermetismo,theurgia,bardonis-mo,satanismo,luciferianismo,caoísmo…cada uma possuindo uma nuance conforme o praticante.

Primeiramente deve-se ter uma base na qual se sustentar durante o caminho.Essa base é o estudo.É fundamental ter um bom estudo de matérias recorrentes a vida diária para se ter cultivado um pensamento crítico.A leitura de livros,revistas e demais artigos ajuda a melhorar o próprio jargão,entendimento científico e histórico do texto que se está tentando compreender.Acredite,eu já me peguei lendo textos do século XVII para trás,coisas antigonas de magia,ou artigos elaborados por renomados professores gabaritados que falavam da origem do diabo até o século XXI.

“Onde arranjar esses livros?”

Sejamos realistas,livros de magia ou esoterismo sério são difíceis de encontrar aqui no país.Quando não custam muito caro ao estudante,eles ainda são restritos pela barreira do idioma e nunca serão traduzidos pela boa vontade das famigeradas editoras.

Seja esperto e adapte-se!Corra para livrarias e busque saber sistema de encomenda de livros,conheço duas grandes livrarias por todo o país que fazem esse sistema e trazem livros do eixo SP-RJ para as “brenhas” dos sertão no qual você reside.Acredite,experiência de que já foi atrás.

Outro sistema é o de compra online.Eu não confio tanto,mas o esquema de comprar por empresas virtuais confiáveis pode ser bem lucrativo,pois muitas vezes chega a ser mais barato que na própria livraria,pecando somente o preço do frete.

Mas de todas as opções de aquisição,nada,repito,NADA supera um puta SEBO!Sim,os sebos,muitas vezes “sebosos”(sem perdão pelo trocadilho,é verdade ¬¬) cubículos enfurnados nas partes mais antigas dos centros das cidades,onde se pode calcular a maior concentração de ácaros e poeira por metro cúbico.Nos sebos há uma imensa possibilidade de se achar raridades a um baixo custo que muito ajudam o iniciante em sua jornada.

Eu digo por experiência própria.Os astros de vez em sempre quando me sacaneiam,mas nunca deixaram de favorecerem meus estudos.Eu já comprei raridades do Papus que quase não tem disponíveis no mercado editorial.O maior de todos meus xodós foi o Magus,do Francis Barret,edição de 1801,editada pela Mercuryo em 94…o livro continha marcas de seu antigo dono…mas num fucking sebo,e custando,pasmem,15 reais!

Tudo bem que o livro é um plágio do livro do Agrippa (fica pra outra história esse causo),mas não deixa de ser uma raridade.

Muitos gostam de baixar livros digitalizados ou em formato PDF pelo custo “zero” do processo e lê-los no computador.É um processo válido,mas não se surpreenda se dentro de pouco tempo você estiver lendo em braile porquê você literalmente fodeu seus olhos.Outra opção que eu mesmo utilizei algumas vezes foi imprimi-los através de gráficas,mas a não tem a mesma preservação do livro de capa dura.Aconselho somente aos textos que são secundários e de uso para consulta,como o Liber 777,entre outros.

Um dos problemas quanto a baixar obras pela internet são os direitos autorais,afinal tem muitos scans e os vivos que escrevem tem que ter o ganha pão deles afinal.Eu não vou negar que já fiz isso,mas muitas vezes para mim não valeu a pena.Por mais que se tente,nada substitui um livro,NADA.

Não que eu esteja “politicamente correto”,mas criei vergonha na cara.Me traz mais satisfação comprar a porra do livro do que me enganar em baixar um.À exceção dos que já se encontram comendo o capim pela raiz ou de obras importantes que não tem autoria,podendo ser traduzidas e postas ao acesso público para o deleite dos buscadores,como tem sido feito por diversas fontes como o Hadnu e o Espaço Novo Aeon com obras gerais do esoterismo ocidental e de thelema,por exemplo.Sem falar que inevitavelmente o estudante terá de aprender algum idioma estrangeiro,como inglês para ter acesso aos melhores livros da área.Até hoje eu sofro com a falta de entendimento por leitura e conversação no inglês que me dificulta em muitas coisas.Triste.Não cometam o mesmo erro que eu,aprendam já!

Se prepare também para gastar dinheiro,mesmo não dispondo de recursos se você não for um cara rico,aprender a lidar com a pobreza exterior é um meio para se cultivar a riqueza interior.Acredite,não é firula minha pra ficar bonito,mas quando não se tem nada é uma boa chance para se ter tudo.Isso se você começar a usar o cérebro,é claro.

Bom,temos os livros.O que mais falta?

Trabalhar,”pedra que rola não cria limo” meu “chapa”.Você já tem a base teórica,mas o conhecimento por si mesmo não basta.Por em prática com exercícios,reflexão para auto-conhecimento,psicoterapia para o auto-controle e diário para metodologia constitui a divina trindade da prática do mago.Crowley,Dee,Agrippa,Salomão,Regardie e outros fucking mestres tiveram diários e grimórios e executaram práticas rigorosas com o objetivo de se iniciarem nesse árduo trabalho que chamam de Grande Obra.

Mas isso fica para uma próxima.Inté!

Anúncios

Sobre abraxasimago

Não importa quem eu seja e sim o que falo.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

4 respostas para Primeiros passos na jornada

  1. Vortek disse:

    Ótimo texto! Perfeito!

  2. AbraxasImago disse:

    Obrigado Vortek,espero que goste dos próximos também. ^^

  3. Niten disse:

    93
    Otimo Texto, ainda deixo mais duas dicas para livros. há o estantevirtual que é um agregador de sebos de todo o pais como também o site da amazon onde há muitos livros para venda e o unico obstaculo pode ser o idioma
    93, 93/93

  4. guilherme disse:

    Parabéns! é melhor ter o livro nas mãos.=p

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s